fbpx
AGEMSdestaque1

AGEMS e concessionária apresentam projeto do contorno viário na MS-306 em Chapadão do Sul 

Obra vai melhorar a área urbana do município e tirar o tráfego pesado da região 

Equipe técnica e da diretoria da AGEMS (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Mato Grosso do Sul), junto da Concessionária Way 306 e equipe de infraestrutura da prefeitura de Chapadão do Sul, apresentou em Audiência Pública, na tarde desta quinta-feira (24), o projeto de contorno da MS-306 para desvio do fluxo pesado da rodovia na área urbana. 

Com o plenário lotado, autoridades locais e a população participaram da Audiência que debateu os principais pontos do projeto. Estiveram presentes a Head de Relações Institucionais e chefe de Gabinete da Autarquia, Rejane Monteiro, responsável pelo evento em parceria com a prefeitura; o promotor de justiça Matheus Macedo Cartapatti, o secretário de Infraestrutura da Prefeitura de Chapadão do Sul, Ricardo Banak, lideranças de bairros, vereadores e diretores da Way 306. 

Todas sugestões foram recebidas pela Agência de Regulação por meio da Ouvidora Cristiane Leite e serão consideradas para a decisão técnica. 

Concessão e melhoria no tráfego 

A rodovia foi concedida pelo Governo do Estado e passou à gestão privada em 22 de abril de 2020. A participação da agência reguladora é necessária para ações que podem resultar em alterações, inclusão, exclusão, antecipação ou ampliação de obras previstas no contrato de concessão.

O diretor de Rodovias da AGEMS, Matias Gonsales Soares, contextualizou o contrato e o estudo realizado e destacou a importância do projeto para o município. 

“É a AGEMS que cuida desse contrato, fiscaliza, normatiza. Hoje, a rodovia corta o município e divide a população em dois lados, misturando o trânsito urbano com o fluxo rodoviário, de veículos pesados. Como é hoje, como ficará a nova configuração, o tempo de execução, os custos, enfim, tudo o que a Agência vem analisando foi submetido também aos usuários e a todos os interessados”, afirma.

O Coordenador da Câmara Técnica de Rodovias da Agência Reguladora, Edson Delgado, demonstrou o resultado do Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA), com a solução apontada como mais viável considerando a atividade econômica e o atendimento à população. 

O prefeito do município, João Carlos Krug, citou que além da “alça no anel viário” como denominou, a prefeitura tem outro objetivo importante para Chapadão: realizar no trecho que será desativado um projeto de urbanização para acabar com os problemas de obra da cidade. 

Visita técnica

Equipe da AGEMS em visita ao Centro de Controle Operacional da Way 306

A equipe da AGEMS aproveitou a ida ao município e realizou visita técnica no Centro de Controle Operacional da Way 306 para conhecer os novos equipamentos. É a empresa que coordena as equipes de operação e atendimento aos usuários da rodovia MS-306. O Centro de Controle funciona por um sistema de rádio comunicação, que permite um atendimento imediato aos usuários em situação de emergência. 

Bruna Aquino, AGEMS
Fotos: Divulgação

Fonte

A URL curta deste artigo é: https://notadiaria.com.br/60uuM
Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo