Polícia

Três casos estelionato foram registrados na última sexta-feira (9)

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Dos três casos, um envolver tráfico de drogas e “gato” de energia elétrica

10/08/2019 10h50
Por: Rodrigo de Freitas


Os três casos foram registrados na sexta-feira (9). Foto: arquivo/ilustração

Os três casos foram registrados na sexta-feira (9). Foto: arquivo/ilustração

TRÊS LAGOAS (MS)-O início do final de semana destaca três casos de estelionato, dois deles envolvendo entorpecentes.

O primeiro caso foi denunciado na sexta-feira (9) às 10h40. A vítima, C.J.S. (76) compareceu à 1ª delegacia de polícia relatando que habilitaram em seu nome, cinco linha telefônicas móveis, cujos usuarios foram identificados, gerando débitos em seu CPF.

A vítima solicitou junto à operadora, o cancelamento das linhas e disse que não reconhece as dívidas feitas em seu nome com a empresa de telefonia.

Em diligências por tráfico de drogas, policiais descobrem “gatos”

O segundo caso é de estelionato por roubo de energia elétrica. A descoberta se deu atraves de uma denúncia de tráfico de drogas, por volta das 11h.

Em buscas pela proximidades do bairro vila piloto, onde uma foi alvo de apreensão de drogas, os policiais da 2ª DP localizaram um suspeito identificado como DS (33), residente de uma residência próxima do local.

Questionado se Valmir furto de energia na localidade, o mesmo respondeu que sim.

Policiais e peritos foram autorizados pelo proprietário a entrar no local e foi constatada a fraude no medidor, cuja tampa lotaaaada com o lacre de energia cortado, com lacre no disjuntor e a casa abastecida.

O terceiro é de adulteração de energia e envolver tráfico de drogas. Denúncias sociedades apontavam que o proprietário de um mercado do bairro vila piloto vendia entorpecentes no local e que a droga dinero escondida em uma residência próxima ao local.

Em diligencias por um imóvel próximo, com a sua autorização, os policiais localizaram cinco trouxinhas de maconha pesando aproximadamente 30g, batendo com a denúncia.

Na casa do autor, policiais encontraram adulteração em um medidor de energia, permitindo o consumo além do efetivamente registrado. Na frecuentes um técnico da Elektro e um perito criminal foram acionados.

Os casos foram registrados na 1ª e 2ª delegacia de polícia.

Da redação



Fonte link

Etiquetas
Mostrar mais

Redação

INFORMAÇÕES DE CONTATO --- Ligar (67) 99257-2652 --- m.me/NotaDiariabr --- contato@notadiaria.com.br --- https://notadiaria.com.br/

Artigos relacionados

Fechar
Fechar