fbpx
Política

Presidente quer discutir restrições às eleições 2022 na Câmara Municipal com vereadores

Reunião para discutir dois atos sobre eleições 2022 será marcada pelo presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, vereador Carlos Augusto Borges (PSB), com os vereadores. A ideia é falar sobre o trabalho no legislativo em meio à campanha eleitoral.

“Eu devo fazer essa semana, para gente conversar, explicar o que dá para conciliar, sem prejudicar os trabalhos e a campanha deles. Como a sessão acontece em dois dias, dá para conciliar”.

Durante a sessão da Casa de Leis da semana passada, o dirigente mencionou que ausências nos encontros sem justificativa, principalmente, entre os vereadores candidatos, pode ser punida.

Pelo menos sete vereadores demonstram interesse no pleito eleitoral deste ano.

Eleições 2022 e a Câmara Municipal

Câmara Municipal de Campo Grande vai restringir o uso da verba indenizatória para vereadores que, em 2022, sejam candidatos aos cargos em disputa nas eleições 2022. O documento está no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) de 3 de maio.

Contudo, o ato terá validade somente a partir de 2 de julho de 2022, três meses antes do pleito eleitoral que será em 2 de outubro. Um segundo ato, publicado no mesmo dia, impede campanha e pedido de voto, por exemplo, nas dependências da Casa de Leis,

Fonte

A URL curta deste artigo é: https://notadiaria.com.br/A5Npg
Mostre mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo