fbpx
Polícia

Polícia Militar Ambiental de Rio Negro autua infrator em R$ 21,8 mil por exploração ilegal de madeira em área protegida de reserva legal em sua propriedade |

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Campo Grande (MS) – Policiais Militares Ambientais de Rio Negro realizaram fiscalização ambiental hoje (19) em uma propriedade rural no município de Corguinho, a 18 km desta cidade e autuaram o proprietário por crime ambiental de extração ilegal de madeira da área protegida por lei de reserva legal. No local protegido foram encontradas 17 árvores da espécie aroeira derrubadas para exploração da madeira sem autorização do órgão ambiental.

Reserva florestal protegida de onde a madeira estava sendo removida.

A madeira explorada das árvores derrubadas estava sendo transformada em estacas para cerca. Foram apreendidos 43 mourões e 98 estacas de aroeira, alguns já afixados em uma cerca que estava sendo construída. As atividades foram paralisadas. O infrator (56), residente em Corguinho, foi multado administrativamente em R$ 21.800,00. Ele também poderá responderá por crime ambiental de exploração de madeira em área protegida. A pena é de um a três anos de detenção.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL – PMMS – (Contato – TENENTE CORONEL EDNILSON PAULINO QUEIROZ) tel. – 3357-1500

Fonte

Mostrar mais

Redação

INFORMAÇÕES DE CONTATO --- Ligar (67) 99257-2652 --- m.me/NotaDiariabr --- contato@notadiaria.com.br --- https://notadiaria.com.br/

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios