fbpx
destaquePolícia

Polícia Militar Ambiental autua assentado por invasão e desmatamento ilegal de vegetação protegida de reserva legal coletiva do assentamento para plantio de lavoura | Polícia Militar de MS

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Campo Grande (MS) – Policiais Militares Ambientais de Aquidauana receberam denúncias, de que um assente rústico, proprietário de um lote no assentamento Piúva, no município de Dois Irmãos do Buriti, teria invadido a espaço de suplente lícito do assentamento, definida pelo Instituto Vernáculo da Reforma Agrária (INCRA) porquê os 20% de vegetação obrigatoriamente protegida por lei coletivamente para servir a todos os lotes dos assentados.

Uma equipe esteve no lugar ontem (25) à tarde, confirmou a denúncia e verificou que o proprietário de um lote invadiu a espaço protegida e desmatou 1,5 hectares na espaço protegida, medidos com uso de GPS pelos Policiais, sem a licença autorizativa do órgão ambiental. A retirada da vegetação foi realizada para a plantação de lavoura e assente também construiu um barraco com 134 m² para moradia.

Barraco na Suplente Lícito.

As atividades foram paralisadas e o infrator responderá por violação ambiental de degradar espaço protegida, com pena de um a três anos de detenção. Ele foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 5.000,00, além de ter sido notificado a se retirar da espaço de suplente.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL – PMMS – (Contato – TENENTE CORONEL EDNILSON PAULINO QUEIROZ) tel. – 3357-1500

Fonte

Mostrar mais

Redação

INFORMAÇÕES DE CONTATO --- Ligar (67) 99257-2652 --- m.me/NotaDiariabr --- contato@notadiaria.com.br --- https://notadiaria.com.br/

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios