fbpx
Polícia

Operação Hórus – Polícia Militar Ambiental de Costa Rica prende dois funcionários da Prefeitura de Chapadão do Sul praticando caça ilegal e apreende armas de grosso calibre, munições e veículo |

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Campo Grande (MS) – Dois caçadores, de 33 e 49 anos, funcionários públicos da Prefeitura Municipal de Chapadão do Sul, foram presos por Policiais Militares Ambientais de Costa Rica praticando caça e por porte de armas e munições ilegais, no entorno do Parque Nacional das Emas, na região da divisa de Mato Grosso do Sul com Goiás.

A prisão deu-se ontem (5) à tarde, quando os Policiais que trabalham na prevenção à pesca predatória nos mananciais nas imediações do Parque, na operação Big Fish II, de proteção aos recursos pesqueiros, dentro da operação Hórus, abordaram os infratores em atitude suspeita em um veículo Toyota Hillux.

Na busca pessoal, foram encontradas munições com os suspeitos e, no veículo, uma capa de espingarda. Diante das evidências, os infratores confessaram que praticavam caça de javali e tinham jogado as armas na mata ao avistar a viatura. Eles não possuíam a licença de controlador de javali.

Nas proximidades foram encontradas as armas na vegetação, sendo uma espingarda calibre 12 e outra calibre 20, que foram apreendidas, além de cinco munições calibre 12 e também 12 munições calibre 20, bem como o veículo.

Os infratores, residentes em Chapadão do Sul, receberam voz de prisão e foram encaminhados à delegacia de Polícia Civil de Costa Rica, onde eles foram autuados em flagrante por porte ilegal de arma e munições. Se condenados poderão pegar pena de dois a seis anos de prisão.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL – PMMS – (Contato – TENENTE CORONEL EDNILSON PAULINO QUEIROZ) tel. – 3357-1500

Fonte

Mostrar mais

Redação

INFORMAÇÕES DE CONTATO --- Ligar (67) 99257-2652 --- m.me/NotaDiariabr --- contato@notadiaria.com.br --- https://notadiaria.com.br/

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios