fbpx
ClimaChuvaMato Grosso do Sul

Sobe para 11 os mortos em trágedia com ônibus

Subiu para 11 o número de mortos na tragédia com ônibus que saiu de Três Lagoas, Mato Grosso do Sul, e caiu em ribanceira de 20 metros no Paraná, na noite desta quarta-feira (30). Um dos mortos foi o motorista, Adilson Dias, de 52 anos, que era morador de Três Lagoas. Outras 20 pessoas estão internadas em hospitais da região.

O acidente ocorreu no km 268 da PR-090, no trecho de Serra Fria. Conforme a PRE (Polícia Rodoviária Estadual) do Paraná, chovia no momento do acidente e Adilson perdeu o controle da direção do ônibus, que saiu da pista e capotou várias vezes na ribanceira. Ainda não se sabe o motivo que fez ele perder o controle, mas segundo a polícia, na região da capotagem, há uma curva fechada.

O ônibus era ocupado por 31 pessoas de vários estados brasileiros, que seguiam para a cidade de Telêmaco Borba e iam trabalhar em uma fábrica de celulose da empresa Klabin. Segundo o Corpo de Bombeiros do Paraná, além de MS, há vítimas do Maranhão, Bahia e Espírito Santo.

Até o final da manhã desta quinta-feira, havia confirmação de 10 mortos e 21 feridos. No entanto, uma vítima morreu no hospital, aumentando para 11 o número de óbitos. A identificação dessa vítima ainda não foi divulgada.

Mortos – Os dez passageiros que morreram foram identificados como: Altemiro Gomes, Carlos Ricardo Gonçalves dos Santos, Edson Moreira, Jose Humberto da Silva, Josimar Soares do Nascimento, Jonathan Wellington Guimarães Souza, Luiz João dos Santos, Roberval da Rocha Silva, Alexandro Silva Guilhermino e Sidney Rosa Pedroso. As idades não foram divulgadas até o momento. Os corpos foram encaminhados para o IML (Instituto Médico Legal) de Londrina.

Feridos – Os feridos foram encaminhados para hospitais de diversas cidades da região. Entre eles, estão: Allan Guimarães Mello, Amilton Junior dos Santos Conceição, Benivaldo dos Reis dos Santos, Carlos Augusto da Silva, Diego de Souza Barros, Eli Bernardo Lopes, Elizeu Pimenta Engenheiro, Elvis Costa da Silva, Geison Virgens Pereira, Genilson Simões do Espírito Santos, Islan de Jesus Oliveira, Jeferson de Brito Lopes, Jose Antônio Sena de Jesus, Nicolas Rafael dos Santos, Rafael Gaciano de Paula, Roque Ferreira Barreto, Ruan Ferreira Barreto e Sidnei Augusto da Silva.

Duas pessoas receberam alta da Santa Casa de Cornélio Procópio, sendo Carlos Lima Sacramento Júnior e Luiz Francisco Constantino dos Santos.  O estado de saúde dos feridos ainda não foi divulgado.

– CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

A URL curta deste artigo é: https://notadiaria.com.br/Nuyg8
Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo