fbpx
Ciência e tecnologia

Izalci pede investimentos em ciência, tecnologia, inovação e educação

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O senador Izalci Lucas (PSDB-DF) defendeu nesta quinta-feira (20), em Plenário, mais investimentos em educação, ciência, tecnologia e inovação. Ele afirmou que apenas uma parte ínfima das exportações brasileiras é composta de bens de alta tecnologia: 4% entre janeiro e julho de 2019. Nesse mesmo período, destacou ele, mais de 65% dos itens exportados eram bens de baixa tecnologia ou não industriais, como soja ou minério de ferro. 

— Acaba sendo natural que o desenvolvimento tecnológico brasileiro se destine, principalmente, a reduzir os custos de produção dos bens de baixo valor agregado. É como se fosse a retroalimentação do ciclo exportador de commodities, porque produzimos a baixo custo e reduzimos o custo de produção — disse o senador.

Izalci Lucas ressaltou que o Brasil não tem avançado no índice global de inovação, mesmo com os avanços tecnológicos e regulatórios recentes. Para ele, é possível é possível mudar a realidade brasileira nesse aspecto — o senador mencionou exemplos internacionais, como o da China. Lembrou que, no início dos anos 2000, esse país asiático era conhecido pelo baixo custo de produção. Também recordou que as empresas de tecnologia de outras nações mantinham o desenvolvimento e a criação de seus produtos em polos avançados de inovação, deixando os processos de montagem e fabricação para a China. 

— Com o passar do tempo, as empresas chinesas conseguiram aprimorar sua capacidade de inovação e, hoje, boa parte delas disputa a liderança tecnológica com empresas que antes eram líderes incontestáveis.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte

Mostrar mais

Redação

INFORMAÇÕES DE CONTATO --- Ligar (67) 99257-2652 --- m.me/NotaDiariabr --- contato@notadiaria.com.br --- https://notadiaria.com.br/

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios