fbpx
Geral

Guitarrista de Conrado e Aleksandro é uma das vítimas que morreu em acidente

Produtor dos sertanejos publico mensagem no instagram dizendo que está bem e pedindo orações

Guitarrista tinha 26 anos e fazia parte da banda que viajava com os sertanejos. (Foto: Instagram)
Guitarrista tinha 26 anos e fazia parte da banda que viajava com os sertanejos. (Foto: Instagram)

Wisley Novais, de 26 anos é uma das vítimas que morreram em acidente com ônibus da dupla Conrado e Aleksandro na manhã deste sábado (7), na rodovia Régis Bittencourt, no no interior de São Paulo. Ele era guitarrista da banda que trabalhava com os cantores.

No instagram, a última publicação de Wisley é uma foto do ônibus dos artistas momentos antes de eles saírem de Curitiba, no Paraná. Horas antes ele havia se apresentado na cidade de Tijucas do Sul, no mesmo Estado.

Pica Pau, produtor da dupla sobreviveu e postou homenagem ao amigo. (Foto: Instagram)
Pica Pau, produtor da dupla sobreviveu e postou homenagem ao amigo. (Foto: Instagram)

No perfil do guitarrista, diversas pessoas deixaram mensagens de carinho e solidariedade à família. “Você vai ser eternamente lembrado com aquela energia surreal”, postou um. “Descanse agora meu Brother. Você foi cedo, mas deixou um legado de anos! Agradeço a Deus por ter te conhecido e tocado junto”, escreveu outro amigo.

Em outra publicação Wisley aparece em um vídeo ao lado de “Pica Pau”, como era conhecido o produtor de Conrado e Aleksandro. O produtor foi um das vítimas que sobreviveu ao acidente.

Nas redes sociais, Pica Pau publicou mensagem dizendo que estava bem e pedindo orações. “Ainda não consigo responder ninguém, celular está travado de mensagem, mas eu, Pica Pau, estou bem. No momento só peço orações por nós e pelas vítimas”, postou.

Ele também prestou homenagem ao amigo Wisley. “Vc foi de longe meu melhor amigo, mais que irmão. Eu amo vc pra sempre mano. Devo tudo pra vc, tudo”

O acidente que matou Aleksandro ocorreu na manhã deste sábado no trecho da rodovia Regis Bittencourt, em Miracatu (SP). De acordo com o UOL, a polícia informou o acidente aconteceu por volta das 9h30, no km 402, depois que o pneu dianteiro esquerdo estourou. O motorista perdeu o controle do ônibus e tombou no canteiro central.

O acidente matou o douradense Aleksandro, de 34 anos, parceiro da dupla formada com João Vitor Soares, o Conrado, de 27 anos. Outras cinco pessoas morreram. Onze pessoas foram hospitalizadas, entre elas Conrado, que apresenta ferimentos leves.

Fonte

A URL curta deste artigo é: https://notadiaria.com.br/i4kH7
Mostre mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo