fbpx
Interior

“Goiabinha” foi morto depois de agredir e xingar companheira de 27 anos

Interior

Autora do assassinato, a mulher se apresentou à delegacia, foi ouvida e liberada pelo delegado

Por Ana Oshiro | 18/03/2022 10:36

Caso está sendo investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Corumbá (Foto: Divulgação)

Mulher de 27 anos, se apresentou à polícia nesta quinta-feira (17) e confessou ter matado Evison da Silva Zorrilha, de 30 anos, conhecido como “Goiabinha”, em Corumbá, distante 248 km de Campo Grande.

De acordo com o delegado Nicson Lenon Cruz Galisa, em entrevista ao site Diário Corumbaense, a mulher contou que ela e “Goiabinha” mantinham relacionamento há seis meses e ela sofria violência física e verbal.

“Ontem, após ser xingada e agredida, ela cometeu o crime”, disse o delegado, completando ainda que “a faca utilizada para golpear a vítima foi apreendida”. A autora do crime foi ouvida e liberada pelo delegado.

De acordo com informações, Juliana e outras duas mulheres já haviam registrado boletins de ocorrência contra Evison. “Goiabinha” foi assassinado com três facadas nas costas na Rua Rio Grande do Nortem, no Bairro Nova Corumbá.

Equipes da Polícia Militar e do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foram ao local, mas Evison já estava morto.

Nos siga no

Google Notícias

Fonte

A URL curta deste artigo é: https://notadiaria.com.br/jcT3Y
Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo