fbpx
Brasil e o Mundo

Embraer anuncia demissão de 900 funcionários nas fábricas do Brasil

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A Embraer anunciou nesta quinta-feira (3) a destituição de 900 funcionários nas fábricas no Brasil. A empresa alega que a medida foi é consequência dos impactos causados pela pandemia de Covid-19 e pelo cancelamento da parceria com a Boeing. Além dos cortes, empresa vai ter outros 1,6 milénio desligamentos em seguida Projecto de Demissões Voluntárias.

O namoro representa 4,5% do efetivo das empresas do grupo no mundo. Ao todo, a Embraer mantinha murado de 20 milénio funcionários no mundo, sendo 10 milénio somente em São José dos Campos, sede da empresa. O número de desligamentos por unidade não foi informado.

A Embraer havia encerrado na quarta-feira (2) o prazo para letreiro no terceiro Projecto de Deposição Voluntária ingénuo durante a pandemia. A medida era uma tentativa de ajustar o quadro de funcionários frente à pandemia. Foram 1,6 milénio adesões aos PDVs.

A operário alega impacto provocado pela pandemia de coronavírus e o cancelamento da parceria com a Boeing, além da falta de expectativa de recuperação do setor de transporte leviano no pequeno e médio prazo.

Segundo a empresa, os cortes foram feitos com o “objetivo de confirmar a sustentabilidade da empresa e sua capacidade de engenharia”.

*Esta reportagem está em atualização

Fonte

Mostrar mais

Redação

INFORMAÇÕES DE CONTATO --- Ligar (67) 99257-2652 --- m.me/NotaDiariabr --- contato@notadiaria.com.br --- https://notadiaria.com.br/

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios