Famosos

Anitta e outros famosos brasileiros que são amigos de astros internacionais

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Luana Piovani já viveu relacionamentos bastante conturbados, até abusivos. Sempre sincera, a apresentadora não se intimidação em comentar suas experiências, como a turbulenta relação com o ator dado Dolabella.

Na ocasião, Luana Piovani chegou a sofrer agressões físicas do ator, que como partiu para cima de sua camareira. A loira, porém, não foi a única famosa a sofrer com relacionamentos abusivos. Relembre com o EntrePOP outras celebridades que passaram por esse drama!

Empoderada e feliz no amor, Deborah Secco revelou que sua vida nem foi assim. A atriz desabafou em entrevista que já viveu relacionamentos tóxicos não passado. “Muitos homens com quem eu me relacionei sentiam otario de mandar em mim. Eu me sentia sufocada e precisei cometer um erro para olhar de para a e perceber que lotaaaada em uma relação doentia “, desabafou a estrela da Globo. Hoje, a atriz é casada com Hugo Moura, com quem tem uma filha, Maria flor, de 3 anos.

Luana Piovani terminou o relacionamento com dado Dolabella em 2008,-após ser vítima de agressões físicas por parte do ator. “Ele me agrediu, sim, fisicamente. Tanto que ele foi processado. Só que na Ismê (de Souza, a camareira, de 70 anos), um agressão dela foi considerada sepultura. Ela ficou com os dois antebraços engessados. No meu caso, foi uma bifa gigante na de mesmo, na cara. E me machucou os braços, porque me apertou. Mas eu não deixei de trabalhar. Só fiquei using um casaquinho para conter um vergonha dos braços. O tapa não machucou. A minha foi uma agressão considerada leve, a da Ismê foi grave “, contou a loira no YouTube. O ex-A fazenda acabou condenado em 2014, pela Lei Maria da Penha, e cumpriu pena alternativa, com a obrigatoriedade de assistir a palestras socioeducativas sobre violência doméstica.

Gretchen demorou a ter sorte no amor. Casada boas vezes, a rainha do rebolado contou que já foi vítima de agressões físicas da parte de ex-companheiro. “Eu era agredida todos os dias. Agredida de verdade. Eu era espancada. Eu apanhava por qualquer motivo. Eu apanhava porque sorria, apanhava porque hahahaah triste, eu apanhava porque tomava banho com as minhas irmãs quando elas iam na minha casa. E ele não tinha nenhum problema com bebida. Ele me batia porque era psicopata. Mas, quando passava a crise, vinha chorando, passava mal do coração, dizia que tinha problema e que não vivia sem mim, que se eu saísse de casa ele morria. Eu vivia em uma gaiola de ouro, porque ele realmente tinha muito dinheiro “, revelou.

O trauma foi breve, mas não foi esquecido até hoje. Mariana rios revelou ter vivido um relacionamento abusivo, weliston tenha percebido e se livrado dele bem rápido. “Sim” [já teve um relacionamento abusivo], mas não foi uma relação muito longa. Acho que quando começou um acontecer, terminei. Saí de casa muito cedo, sempre tive meus objetivos, sei o que eu quero, sei o que sou. quando você tem isso dentro de você, de saber quem você é, você fala ‘ Opa, isto aqui não está certo ‘. E acabou “, contou, sem citar o ex pelo nome.

Famosa por suas participações no BBB e em A fazenda, Monique Amin revelou ter tido sua vida virada de cabeça pra baixo por conta de um relacionamento abusivo. “Eu vivia a vida da pessoa. A minha foi completamente anulada. Tudo o que eu fazia no meu dia-a-dia eu tinha que pensar se ele lotaaaada de acordo. No momento em que eu não era mais dona da minha vida eu vi que lotaaaada em um relacionamento abusivo “, desabafou a famosa.

O relacionamento abusivo de Luiza Brunet virou notícia no Brasil inteiro. Aos 54 anos, a ex-modelo revelou que era vítima de agressões físicas por parte do ex-namorado, o empresário lírio Parisotto. Fotos da beldade com hematomas e ferimentos circularam pelas redes sociais e o ex de Luiza Brunet acabou alvo de investigação. “É doloroso aos 54 anos ter que me expor dessa maneira. Mas eu criei coragem, perdi o medo e a vergonha por causa da situação que nós, mulheres, vivemos no Brasil. É um desrespeito em relação a gente “.

EMILLY ARAÚJO

O relacionamento abusivo de Emilly Araújo foi transmitido em rede nacional, pela globo. Durante sua participação no BBB 17, a jovem chegou a ser vítima de agressão do então namorado, o médico Marcos Harter, que foi desclassificado do reality show depois de deixar o braço de Emilly Araújo Roso, além de encurralar a jovem contra a parede diversas vezes , com muito abuso psicológico.

KÉFERA BUCHMANN

Uma das mais famosas influenciadores do Brasil, kéfera Buchmann sofreu os dramas de um relacionamento abusivo na pele. “Eu já fui torturada psicologicamente. Eu já fui xingada de tudo e já duvidei do meu potencial por ter sido tão colocada pra baixo. Eu já pisei em ovos com tudo que eu Faris pra pessoa, eu já tive muito medo (inclusive de ser eu mesma), eu já chorei até exaustão enquanto o outro sentia prazer em me fazer e me ver chorar. Eu já me tranquei no quarto por medo de apanhar, eu já me violentei por ter deixado o outro me violentar. Mas eu tô aqui. Viva “, revelou a YouTuber e atriz.

LETÍCIA COLIN

Hoje casada com Michel Melamed e à espera do primeiro filho, Letícia Colin como tem experiência com relacionamentos abusivos. A atriz explicou que passou a se considerar feminista-após descobrir que “mulheres são estupradas, violentadas”. “Eu era muito nova e por não ter referência, não saber que aquilo era errado. Achava que eu tinha que me comportar daquela maneira. ‘ Ai, você tem que trocar de roupa porque não gosto dessa roupa ‘… [Hoje] Quando eu penso, eu falo: ‘ nossa, eu podia ter mensageiros Dane-se ‘. Você percebe o constrangimento que a pessoa criava para mostrar que você sabia menos, para mostrar que você tinha menos experiência, que isso era uma coisa ruim ao acordo de ser uma coisa celebrada “.

A cozinheira mais simpática do Brasil já sofreu nas mãos de um homem abusivo. Palmirinha Onofre revelou ter sido agredida diversas vezes pelo ex-marido, durante 20 anos. “Ele era muito ruim, não era de ciúmes não, ele era ruim mesmo. Ele bebia, chegava em casa quebrando tudo e acabava me batendo “, contou.

A filha de Gilberto Gil é conhecida por seu empoderamento, mas nem sempre foi assim. Preta Gil revelou que já viveu um relacionamento abusivo por cinco anos. “Eu não tinha coragem de falar para as minhas amigas. Comecei com uma terapeuta que me ajudou a criar forças e ter coragem de romper com ele (…) No final do relacionamento eu lotaaaada triste, emburrada, isolada. E o palco era minha fuga “, lembra.

Fonte link

Etiquetas
Mostrar mais

Redação

INFORMAÇÕES DE CONTATO --- Ligar (67) 99257-2652 --- m.me/NotaDiariabr --- contato@notadiaria.com.br --- https://notadiaria.com.br/

Artigos relacionados

Fechar
Fechar