Ciência e tecnologia

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
(foto: Dibyangshu SARKAR / AFP)
(foto: Dibyangshu SARKAR / AFP)

A empresa alem BioNTech e o laboratrio farmacutico americano Pfizer anunciaram nesta quarta-feira(01) resultados preliminares positivos do seu projeto conjunto de vacina contra o novo coronavrus em 45 participantes. 

A vacina experimental BNT162b1 ” capaz de gerar uma resposta de anticorpos neutralizantes em seres humanos em nveis maiores ou iguais aos observados em plasmas convalescentes, e o faz em doses relativamente baixas”, disse Ugur Sahin, CEO da BioNTech, em enviado das duas empresas. 

O soro ou plasma convalescente coletado do sangue de pessoas que foram infectadas com SARS-CoV-2 e que se recuperaram.

Os dados preliminares so de um teste de período 1/2 realizado nos Estados Unidos, que teve uma vez que objetivo verificar se a vacina no era txica e se desencadearia uma resposta do sistema imunolgico para preparar o corpo para resistir ao vrus. 

Quarenta e cinco pessoas com idade entre 18 e 55 anos participaram, e a maior secção recebeu duas doses com 21 dias de pausa da vacina e de placebo, sem saber. 

Mas um nmero relativamente grande de participantes teve febre aps a segunda ração, de concórdia com o estudo, publicado no site de pr-publicaes cientficas medrxiv.org.

A tecnologia desta vacina baseada no RNA mensageiro, um cdigo gentico que inserido nas clulas humanas para produzir anticorpos especficos para o coronavrus. 

Vrias empresas j publicaram resultados preliminares indicando que suas vacinas experimentais ativam uma resposta imune, aps a período inicial de seus testes clnicos, ou seja, em humanos. 

Vinte e trs projetos iniciaram esses testes, de concórdia com a Escola de Higiene e Medicina Tropical de Londres, e vrios j passaram pela segunda e at terceira período, que consiste em impor a vacina em milhares ou dezenas de milhares de voluntrios para ver se a mesma realmente impede o contgio. 

A vacina da biotecnolgica americana Moderna e a da Universidade de Oxford e laboratrio AstraZeneca esto entre as mais avanadas em testes em grande graduação, alm de vrios projetos chineses, em peculiar o da empresa CanSinoBIO, que j obteve autorizao para ser aplicada em soldados do Exrcito chins.

Fonte

Etiquetas
Mostrar mais

Redação

INFORMAÇÕES DE CONTATO --- Ligar (67) 99257-2652 --- m.me/NotaDiariabr --- contato@notadiaria.com.br --- https://notadiaria.com.br/

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios