fbpx
Política‎

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
(foto: Ana Rayssa/CB/D.A Press)
(foto: Ana Rayssa/CB/D.A Press)

A exonerao do diretor-geral da Polcia Federal, Maurcio Valeixo, caiu como uma bomba dentro da corporao, principalmente em razo das incertezas sobre as verdadeiras intenses do presidente Jair Bolsonaro. Valeixo prximo ao ministro da Justia, Srgio Moro, que ficou bastante contrariado com a demisso.

 

O presidente da Associao dos Delegados da Polcia Federal (ADPF), Edvandir Paiva, afirma que essa situao mostra que a corporao est desprotegida contra decises poltica. Ele defende que seja aprovado no Congresso uma Proposta de Emenda Constituio (PEC) que concede independncia funcional para a Polcia Federal. “O que ns sentimos muito que a polcia est desprotegida. Ela no tem um mandado para diretor-geral. E por conta dessa desproteo, toda vez que houver mudana, e essa j a quarta, vai ocorrer todo tipo de especulao”, disse.

 

Fontes ouvidas pela reportagem, que integram a cpula da PF, afirmam que apesar do Dirio Oficial informar que a exonerao de Valeixo ocorreu pedido, o ento chefe da PF no fez a solicitao. Para Paiva, a situao forou uma sada do cargo. “Ele pode ter pedido ontem para sair, por que as circunstncias o foram a fazer isso. O diretor-geral da polcia no pode ficar na polcia se o presidente no quer. uma situao extremamente desconfortvel”, completou o delegado.   

 

Por diversas vezes, em encontro com agentes e delegados, Moro afirmou que iria garantir a autonomia das investigaes e do trabalho policial. O ministro afirmou que no abriria mo deste objetivo mesmo que tivesse que contrariar o presidente Jair Bolsonaro.

Fonte

Mostrar mais

Redação

INFORMAÇÕES DE CONTATO --- Ligar (67) 99257-2652 --- m.me/NotaDiariabr --- contato@notadiaria.com.br --- https://notadiaria.com.br/

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios